Férias de uma Flor: O desejo da chegada da Primavera

Na próxima semana não tenho aulas de Holandês, e descobri que tal não-evento se deve ao facto de durante a próxima semana entrarmos oficialmente num período de férias para todas as escolas. A criança que há em mim não deixou esta ocasião passar sem um “Yuppiiiiieee!!!!” interior de felicidade, afinal férias escolares assim inesperadas são sempre um motivo de profunda alegria, o mesmo sentimento de descobrirmos que na próxima semana há um feriado a uma sexta-feira que já não nos lembrávamos!

Na realidade, é um período de férias que tem três nomes diferentes: nas províncias holandesas do sul este período de férias vêm uma semana antes e é utilizado para as celebrações do Carnaval, sendo apelidado de “carnavalvakantie”, nas outras províncias mais a norte, o nome das férias revela o desejo do fim do Inverno e a chegada da Primavera e chama-se “krokusvankantie” (Férias da Flor de Crocus) ou “Voorjaarvakantie” (Férias da Primavera)

Quando descobri isto fiquei intrigada com o facto de férias terem nome de flor! É um nome que apela a uma percepção do tempo mais ligada à Natureza e aos ciclos da vida. Esta concepção agrada-me bastante, porque nos faz apreciar mais as pequenas-grandes coisas. E então, afinal o que é a flor que Krokus?

Crocus_5

O cultivo da flor surgiu pela primeira vez documentada na nossa querida zona Mediterrânea, mais concretamente na Grécia, em Creta, e dessas zonas do mundo é origem do nome da flor. A primeira flor que literalmente aterrou na Holanda, onde esta espécie não é nativa, surgiu de uma série de rebentos da flor que foram trazidos em 1560 de Constantinopla, levados depois para o jardim botânico da cidade de Leiden – uma das zonas fortes da produção e comercialização de flores aqui na Holanda. Passados 80 anos já mais variedades de jardim tinham sido desenvolvidas e a flor pouco e pouco deve ter ganho popularidade entre os jardins dos nativos deste país.

Crocus_3

Para meu grande espanto, também descobri que o tempero de açafrão é produzido a partir da Flor de Crocus, ou seja grande parte do interesse inicial na produção da flor, era esse mesmo – o açafrão. Bom, muito deve haver para descobrir sobre esta especiaria, e sobre como chegou a ser introduzida na culinária de tantos países, e também para outras funções como pigmento para roupas. Mas, acho que isso dava outro post, bem longo.

safron_crocus

Mas bom, hoje para além disso, é muito utilizado como flor decorativa, é bonita, e com presença, e vêm em várias cores diferentes: do lilás, ao cor de rosa, ao laranja, branco e amarelo.

A flor, tal como as famosas tulipas, é também um bolbo que deve ser plantado bem no inverno com o solo gelado, para que no despontar da Primavera, às vezes ainda por entre a neve, comecem a surgir os primeiros rasgos de cor entre o branco. Daí que o seu significado no mundo das flores seja pura alegria, a mesma alegria que acompanha o início da Primavera.

crocus_flower_drops_snow_spring_awakening_20861_1920x1080

And all the woods are alive with the murmur and sound of Spring,
And the rose-bud breaks into pink on the climbing briar,
And the crocus-bed is a quivering moon of fire
Girdled round with the belt of an amethyst ring.

–Oscar Wilde

Deste lado, estou totalmente solidária com este desejo de Primavera!

Advertisements

3 comentários

  1. […] Reparei nas janelas e nas varandas dos meus vizinhos cheias de flores da estação. Vejo como na recepção do prédio onde trabalho todas as semanas surgem novos grandes arranjos de orquídeas coloridas. Comecei a reparar nas flores que nascem na rua depois da neve e que baptizam o período de férias em que vamos entrar dentro de uma semana: Krokus Vakantie. […]

  2. […] aqui na Holanda – primeiro com as flores de Krokus que apareceram quase por todos os parques (podem ler mais sobre a flor de Krokus aqui!), e nestes últimos dias com os […]

  3. […] Krokus e winterklokjes – estas flores trazem a alegria e esperança da Primavera depois do longo e gelado Inverno Holandês. Após a neve, começam a desabrochar em meados de Fevereiro e são responsáveis pelo nome às férias escolares desta altura. […]

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

amsterdive.wordpress.com/

Amsterdam based actress hosts you into her personal amster-dive

Anas há muitas

Mãe, mas Mulher. Aqui escrevo sobre a fantástica experiência da maternidade, os meus cozinhados, os textos da minha autoria, e a minha área de formação – saúde.

THE GIRL WITH SILVER HAIR

THE GIRL WITH SILVER HAIR

agora digo eu

Porque às vezes me apetece dizer com os dedos para que me ouçam com os olhos!

Diário de Prato

Compartilhando o que eu ando fazendo e comendo de gostoso por aqui.

A Limonada da Vida

Uma Portuguesa na Holanda

almanaque silva

histórias da ilustração portuguesa

Marianne Beerten

Onroerend goed en Geiten in Portugal

Contador D'Estórias

Narrativas, poemas, músicas, um blog com estórias dentro.

Desbravando Madrid

Curiosidades e dicas sobre a cidade de Madrid

Life's Textures

Notes and tips about (my) life

By Catarina

Writing With a Global Mindset

laplandalltheway

Adventures of a Portuguese girl in Lapland

Desabafos em rodapé

espaço reservado a desabafos tipo assim um bocadinho "crazy" "or not"

The Frustrated Gardener

The life and loves of a time-poor plantsman

Heidiland

Uma Portuguesa na Holanda

The Kitchen Crashers

Seda ve Hakan’ın Mutfak, Seyahat ve Fotoğraf Maceraları…

%d bloggers like this: