O mundo encantado dos floristas na Holanda

É final da Primavera na Holanda mas ainda há flores por todo o lado: nas ruas crescem as silvestres, nos jardins crescem as cultivadas (de forma mais ou menos planeada) e dentro de casa os arranjos florais continuam impecáveis.
Já falei algumas vezes na tradição holandesa de ter arranjos florais em casa e como desde que estou a viver na Holanda me dá imenso prazer comprar flores. Ora de um país tão florido, só se podia esperar que haja uma comunidade grande de floristas, tanto amadores como profissionais.

A profissão de florista é aqui encarada com muito mais glamour e importância do que em Portugal. Existem empresas dedicadas a fazer e manter arranjos florais para empresas, ateliers artísticos que fazem criações especiais para eventos e lojas de bairro que criam as combinações mais fantásticas para a mais singela sala de estar.

Outras empresas, entregam arranjos frescos e personalizados em casa uma vez por semana. E o programa televisivo “O melhor estilista floral da Holanda“ vai na sua sexta série. Neste programa, vários concorrentes competem em diferentes desafios, para serem galardoados com “O” grande título, ao estilo master chef, ou outros programas do género, do melhor que se faz a nível de criações florais.

Também já me contaram que existem formações extremamente exigentes e reconhecidas na Holanda dedicadas exclusivamente a ensinar a arte dos arranjos florais, que exigem não só o aperfeiçoamento da técnica a nível de construção, mas também saber os nomes em latim de todas as plantinhas que entram num vaso e também o seu significado.

Para nós, comuns mortais, que se passeiam aqui e ali por terras Holandesas e que de vez em quando juntam umas peónias e hortênsias num vaso sem grandes teorias por detrás, vale a pena estar atento e reparar no esforço investido em florir os espaços à nossa volta por estes profissionais!

Trabalhar diariamente com beleza natural deve ser fántisco, mas ser lembrado todos os dias como é passageira e efémera também não deve ser fácil. Se por um lado consigo imaginar as alegrias da profissão, posso imaginar que criar algo que está destinado a desaparecer rapidamente deve ser frustante. Por outro lado, ensina-nos a desfrutar o momento presente.

E por falar em flores, também não queria deixar de fazer publicidade a 2 eventos que acho que valem mesmo a pena conhecer: o dia dos jardins abertos de Amesterdam (acontece já este fim-de-semana) e o dia dos jardins abertos de Utrecht (no dia 2 de Julho)! Uma das melhores oportunidades para dar um mergulho rápido pela paixão holandesa por jardins e flores. Sei que existem eventos semelhantes um pouco por toda a Holanda, por isso recomendo que investiguem as edições nas várias cidades que vão acontecer brevemente. (Para saber mais sobre edições anteriores: aqui)

 

Boteco

Este post foi escrito para o projecto “Boteco das Tertúlias”, em colaboração com 4 fantásticas bloggers. Este mês falamos sobre profissões: aqui, aqui, aqui e aqui!

Advertisements

3 comentários

  1. É verdade…. Flores são sempre obrigatórias em casas Holandesas :D
    Eu também adoro e os preços são super convidativos. Por norma faço eu os arranjos mas perto de mim há uma florista sempre com bouquets lindos ou podes pedir para fazer e nunca desiludem,

  2. Não temos noção que de facto pode ser uma arte!
    Já estive em Amesterdão e dá bem para perceber que as flores são um culto, mais do que uma tradição, mas nunca tinha pensado na profissão de florista dessa forma, confesso. Vou começar a olhar para os ramos de flores de outra forma.

  3. Incrível como encontras sempre forma de escrever sobre o tema do boteco e dar o teu twist, para o tornar num texto típico do blog! Gostei muito! Beijinhos!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

amsterdive.wordpress.com/

Amsterdam based actress hosts you into her personal amster-dive

Anas há muitas

Mãe, mas Mulher. Aqui escrevo sobre a fantástica experiência da maternidade, os meus cozinhados, os textos da minha autoria, e a minha área de formação – saúde.

THE GIRL WITH SILVER HAIR

THE GIRL WITH SILVER HAIR

agora digo eu

Porque às vezes me apetece dizer com os dedos para que me ouçam com os olhos!

Diário de Prato

Compartilhando o que eu ando fazendo e comendo de gostoso por aqui.

A Limonada da Vida

Uma Portuguesa na Holanda

almanaque silva

histórias da ilustração portuguesa

Marianne Beerten

Onroerend goed en Geiten in Portugal

Contador D'Estórias

Narrativas, poemas, músicas, um blog com estórias dentro.

Desbravando Madrid

Curiosidades e dicas sobre a cidade de Madrid

Life's Textures

Notes and tips about (my) life

By Catarina

Writing With a Global Mindset

laplandalltheway

Adventures of a Portuguese girl in Lapland

Desabafos em rodapé

espaço reservado a desabafos tipo assim um bocadinho "crazy" "or not"

The Frustrated Gardener

The life and loves of a time-poor plantsman

Heidiland

Uma Portuguesa na Holanda

The Kitchen Crashers

Seda ve Hakan’ın Mutfak, Seyahat ve Fotoğraf Maceraları…

%d bloggers like this: