As bruxas de Bruegel em Utrecht

Ninguém acredita em bruxas, mas que as há, há! Pois é, as bruxas existem certamente, no imaginário de grande parte das pessoas, através da tradição oral, dos contos infantis clássicos, ou de coisas mais recentes como o Feiticeiro de Oz, Harry Potter e as histórias da Disney.

E o que sabemos sobre bruxas? As bruxas preparam as suas poções mágicas num caldeirão à lareira, sítio esse onde aproveitam para largar voo, pelos céus nas suas vassouras animadas por magia. São mulheres feias e maléficas em grande parte dos casos.

Isso está tão inculcado no nosso imaginário, que se torna quase uma “realidade imaginária“ incontestável. Mas é assim porque alguém o imaginou, e como aprendi na exposição “As Bruxas de Bruegel“ o pintou.


Sim, o senhor Bruegel, o Velho, foi o primeiro a imaginar e a pintar uma mulher a voar numa vassoura junto a uma sério de espíritos ruins, para uma série de impressões religiosas, e a partir daí o conceito pegou, e assim ficou. Outros artistas dos Países Baixos foram explorando a ideia e o imaginário virou “realidade”.

header-hoog-tentoonstelling-de-heksen-van-brueghel.jpg.1280x1070_q95_crop-0,0

A exposição sobre a influência de Bruegel e de outros artistas neste imaginário está patente no Catharijne Convent em Utrecht até dia 31 de Janeiro e vale mesmo a pena uma espreitadela para quem está por perto.

Não fazia ideia que uma única publicação pode ter tanto impacto no imaginário colectivo de um continente e espalhar-se século após século até aos dias de hoje. Fica a sugestão!

Anúncios

4 comentários

  1. Agradecida. :-) Quem me dera estar perto.

    1. Obrigada Mia! Era bom ter a tua companhia :)

  2. Como assim ninguém acredita em bruxas? Pois eu sou uma :) hahaha
    Gostaria muito de poder ver esta exposição!

    1. Ahaha :) olha depois de ver a exposicao, ficas certo que existiam mesmo, tanta era a perseguicao! pois e, era bom que pudesse ser uma exposicao itenerante porque esta muito interessante de facto.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Amsterdive

Amsterdam based actress hosts you into her personal amster-dive

Anas há muitas

Mãe, mas Mulher. Aqui escrevo sobre a fantástica experiência da maternidade, os meus cozinhados, os textos da minha autoria, e a minha área de formação – saúde.

THE GIRL WITH SILVER HAIR

THE GIRL WITH SILVER HAIR

agora digo eu

Porque às vezes me apetece dizer com os dedos para que me ouçam com os olhos!

Diário de Prato

Compartilhando o que eu ando fazendo e comendo de gostoso por aqui.

A Limonada da Vida

Uma Portuguesa na Holanda

almanaque silva

histórias da ilustração portuguesa

Marianne Beerten

Onroerend goed en Geiten in Portugal

Contador D'Estórias

Narrativas, poemas, músicas, um blog com estórias dentro.

Desbravando Madrid

Curiosidades e dicas sobre a cidade de Madrid

Life's Textures

Notes and tips about (my) life

By Catarina

Writing With a Global Mindset

laplandalltheway

Adventures of a Portuguese girl in Lapland

o meu sofá cinzento

espaço reservado a desabafos tipo assim um bocadinho "crazy" "or not"

The Frustrated Gardener

The life and loves of a time-poor plantsman

Heidiland

Uma Portuguesa na Holanda

The Kitchen Crashers

Seda ve Hakan’ın Mutfak, Seyahat ve Fotoğraf Maceraları…

%d bloggers like this: