Votar na Holanda – parte II

Ontem foi dia de votações na Holanda. Votou-se para as Direcções de Gestão da Água e para as Províncias. Como estrangeira a residir em Utrecht, mas pagante de impostos municipais da água e dos diques, fui convidada pela Câmara Municipal a votar para a nossa Direcção Regional da Água. Foi a segunda vez que votei na Holanda, a última vez foi para a Câmara Municipal.

Basicamente a função mais importante destes organismos é manter os nossos pézinhos secos, uma vez que metade do território Holandês está abaixo do nível do mar e o fluxo de água tem que ser gerido constantemente. Depois, existem outras questões tão importantes como a manutenção da saúde pública – garantir que há água potável para se beber, razões económicas – garantir que os diques são navegáveis e que dão a acessibilidade correcta aos vários sectores da economia, e não menos importante razões ambientais – garantir um meio ambiente limpo e sustentável.

Ora, é extremamente díficil votar para eleger a liderança de uma função tão técnica. A maior parte dos Holandeses com quem falei sobre o assunto, confirmaram-me que mesmo para eles é extremamente díficil conhecer os candidatos e votar neste tipo de eleições.

Na verdade, estive muito inclinada em não ir votar. Mas deixem-me confessar que o que me convenceu a cumprir o meu dever cívico foi o cartaz em baixo, que vejo todos os dias a caminho da estação….o pobre pato precisava de um voto meu!

3c7c609798

Piada à parte, na verdade em termos logísticos é bastante fácil e conveniente votar na Holanda, no entanto estar a par das questões políticas, económicas e ambientais é que não!
E os emigrantes sofrem de um duplo isolamento: afastamo-nos aos poucos da realidade política do nosso país de origem e dificilmente se está integrado na realidade do novo país.

E daqui a uns meses, virão as legislativas para Portugal, onde passarei novamente pelas mesmas questões existenciais. E desta feita não terei um pato simpático a pedir o meu voto, terei que arranjar auto-motivação para acreditar que o meu voto conta e continua a ser importante, tal como todos os Portugueses.

Anúncios

2 comentários

  1. Vais votar ao consulado?
    Na realidade aqui ainda não votei, nunca sei o que escolher, é tudo em Holandês e não tenho paciência para passar a vida no translate… Eu sei, vergonha, nem que fosse votar em branco!

    1. Bom Dia LAH! :) Sim, estamos a planear ir ao consulado. E preciso enviar um email para la com os teus dados e uma copia do cartao do cidadao…coisa que eu ainda nao fiz tb!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Amsterdive

Amsterdam based actress hosts you into her own amster-dive

Anas há muitas

Mãe, mas Mulher. Aqui escrevo sobre a fantástica experiência da maternidade, os meus cozinhados, os textos da minha autoria, e a minha área de formação – saúde.

THE GIRL WITH SILVER HAIR

THE GIRL WITH SILVER HAIR

agora digo eu

Porque às vezes me apetece dizer com os dedos para que me ouçam com os olhos!

Diário de Prato

Compartilhando o que eu ando fazendo e comendo de gostoso por aqui.

A Limonada da Vida

Uma Portuguesa na Holanda

almanaque silva

histórias da ilustração portuguesa

Marianne Beerten

Onroerend goed en Geiten in Portugal

Contador D'Estórias

Narrativas, poemas, músicas, um blog com estórias dentro.

Desbravando Madrid

Curiosidades e dicas sobre a cidade de Madrid

Life's Textures

Notes and tips about (my) life

By Catarina

Writing With a Global Mindset

laplandalltheway

Adventures of a Portuguese girl in Lapland

o meu sofá cinzento

espaço reservado a desabafos tipo assim um bocadinho "crazy" "or not"

The Frustrated Gardener

The life and loves of a time-poor plantsman

Heidiland

Uma Portuguesa na Holanda

The Kitchen Crashers

Seda ve Hakan’ın Mutfak, Seyahat ve Fotoğraf Maceraları…

%d bloggers like this: